sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Prova 1º ano - tipo A



logo30
Bimestre
TIPO A
Professor
MARCONILDO VIEGAS
Disciplina
LITERATURA
Série:
1º ano
Turma
Turno
Data
____/____/2013
Aluno (a):

·          Não serão consideradas questões sem cálculos ou rasuradas;
·          Em questões objetivas, marque UMA única OPÇÃO.
·          Não use corretivo.
·          Use somente caneta PRETA;
·          “Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração. Porque dele saem as fontes da vida”. (Pv. 4.23)






Leia o texto abaixo e marque um X na opção certa:


Foi na França, durante a Segunda Grande guerra: um jovem tinha um cachorro que todos os dias, pontualmente, ia esperá-lo voltar do trabalho. Postava-se na esquina, um pouco antes das seis da tarde. Assim que via o dono, ia correndo ao seu encontro e na maior alegria acompanhava-o com seu passinho saltitante de volta à casa. A vila inteira já conhecia o cachorro e as pessoas que passavam faziam-lhe festinhas e ele correspondia, chegava até a correr todo animado atrás dos mais íntimos. Para logo voltar atento ao seu posto e ali ficar sentado até o momento em que seu dono apontava lá longe.
Mas eu avisei que o tempo era de guerra, o jovem foi convocado. Pensa que o cachorro deixou de esperá-lo? Continuou a ir diariamente até a esquina, fixo o olhar naquele único ponto, a orelha em pé, atenta ao menor ruído que pudesse indicar a presença do dono bem-amado. Assim que anoitecia, ele voltava para casa e levava sua vida normal de cachorro, até chegar o dia seguinte. Então, disciplinadamente, como se tivesse um relógio preso à pata, voltava ao posto de espera. O jovem morreu num bombardeio mas no pequeno coração do cachorro não morreu a esperança. Quiseram prendê-lo, distraí-lo. Tudo em vão. Quando ia chegando aquela hora ele disparava para o compromisso assumido, todos os dias.
Todos os dias, com o passar dos anos (a memória dos homens!) as pessoas foram se esquecendo do jovem soldado que não voltou. Casou-se a noiva com um primo. Os familiares voltaram-se para outros familiares. Os amigos para outros amigos. Só o cachorro já velhíssimo (era jovem quando o jovem partiu) continuou a esperá-lo na sua esquina.
As pessoas estranhavam, mas quem esse cachorro está esperando?…Uma tarde (era inverno) ele lá ficou, o focinho voltado para aquela direção.

1.    Qual é a temática (assunto) do texto?

a)    A amizade verdadeira.
b)    A vida triste de um cachorro.
c)    A vida da sociedade francesa.
d)    A guerra mundial.
e)    N.d.a.

2.       O texto “Disciplina do Amor” é um:

a)    Literário, pois provoca a emoção, a reflexão e o riso.
b)    Não - Literário, pois passa somente a informação, sem provocar a emoção, a reflexão e o riso.
c)    Não - Literário, pois provoca a emoção, a reflexão e o riso.
d)    Literário, pois passa somente a informação, sem provocar a emoção, a reflexão e o riso.
e)    N.d.a.

Leia o texto abaixo e responda o que se pede:
Vagalumes (part. Ivo Mozart)

Vou caçar mais de um milhão de vagalumes por aí,
Pra te ver sorrir eu posso colorir o céu de outra cor,
Eu só quero amar você,
E quando amanhecer eu quero acordar
Do seu lado.
Vou escrever mais de um milhão de canções pra você ouvir,
Que meu amor é teu, teu sorriso me faz sorrir,
Eu vou de marte até a lua, ''cê'' sabe já tô na tua,
E não cabe tanta saudade essa verdade nua e crua,
Eu sei o que eu faço nosso caminho eu traço,
Um casal fora da lei ocupando o mesmo espaço
Se eu to contigo não ligo se o sol não
aparecer
É que não faz sentido caminhar sem dar a mão pra você
Teu sonho impossível vai ser realidade,
Sei que o mundo tá terrível mas não vai ser a maldade que
Vai me tirar de você, eu faço você ver,
Pra tu sorrir eu faço o mundo inteiro saber que eu
Vou caçar mais um milhão de vagalumes por aí,
Pra te ver sorrir eu posso colorir o céu de outra cor,
Eu só quero amar você
E quando amanhecer eu quero acordar
Do seu lado
Pra ter o teu sorriso descubro o paraíso ,
É só ver sua boca que eu perco o juízo por inteiro,
Sentimento verdadeiro eu e você ao som de janelle monáe,
Vem deixa acontecer,
Me abraça que o tempo não passa quando cê tá perto,
Dá a mão e vem comigo que eu vejo como eu tô certo,
Eu digo que te amo cê pede algo impossível,
Levanta da sua cama, hoje o céu está incrível.
Vou caçar mais de um milhão de vagalumes por aí
E pra te ver sorrir eu posso colorir o céu de outra cor
Eu só quero amar você,
E quando amanhecer eu quero acordar
Do seu lado.
Faço dos teus braços um lugar mais seguro,
Procurei paz em outro abraço, eu não achei eu juro,
Saio do compasso, passo apuros que vier,
Abro a janela pra que você possa ver
Vou caçar mais de um milhão de vagalumes por aí,
Pra te ver sorrir eu posso colorir o céu de outra cor,
Eu só quero amar você,
E quando amanhecer eu quero acordar
Do seu lado.



3.            O texto musical é aquele que combina elementos de linguagem verbal (palavras, língua escrita, poesia, versos e estrofes, rimas e ritmos) com elementos não - verbal (sons, música, instrumentos musicais etc.), ou seja, a linguagem empregada é mista. Essa letra de canção aborda que tema/assunto?

a)    O Jingle de campanha.
b)    Uma declaração de amor a pessoa amada.
c)    O amor à pátria.
d)    O Jingle com o tema de filosofia.
e)    N.d.a.

4.            Observe o texto abaixo: na conhecida música/texto “Abandonada”, de Fafá de Belém se parece com as cantigas trovadorescas (estudadas em sala de aula) que foram as primeiras produções literárias da época e se dividiam em 4. Marque a única opção em que a música/texto “Abandonada” se encaixa:

Abandonada por você/ Apaixonada por você/ Eu vejo o vento te levar/ Mas tenho estrelas prá sonhar/ E ainda te espero todo dia...

a)       Cantigas de Amor: eu lírico é masculino que sofre por amor.
b)       Cantigas de Malmequer: em que se brinca com as crianças.
c)        Cantigas de Escárnio: ataque satírico indireto, não citando o nome da pessoa.
d)       Cantigas de Amigo: eu lírico é feminino que sofre por amor.
e)       Cantigas de Maldizer: ataque satírico direto, citando o nome da pessoa.
5.    O primeiro texto em língua portuguesa foi a:

a)    Cantiga da Irmãzinha, de Paio Soares de Taveirós.
b)    Cantiga da Ribeirinha, de Paio Soares de Taveirós.
c)    Cantiga da Vovozinha, de Lobo Mau da Silva Taveirós.
d)    Cantiga da Mamãezinha, de João da Silva Taveirós.
e)    N.d.a.

6.    Veja a foto abaixo e responda:

http://imagenes.4ever.eu/data/674xX/diversion/animados/%5bimagenes.4ever.eu%5d%20mona%20lisa,%20parodia,%20cabello%20volando,%20descapotable%20162157.jpg
7.    De acordo com o que foi visto em sala sobre intertextualidade – a relação dos textos sejam verbais ou não verbais -, ela se divide em paródia (bagunçar) ou paráfrase (recontar), observa-se nessa imagem que há uma:


a)           Paródia.
b)           Paráfrase.
c)            Palavraparáfrase.


d)           Palavraparódia.
e)           N.d.a


8.    A música é algo que expressa o sentimento do eu – lírico. Leia a música abaixo e responda a questão proposta


Pense Em Mim
Em vez de você ficar pensando nele,
Em vez de você viver chorando por ele,
Pense em mim, chore por mim,
Liga pra mim, não, não liga pra ele,
Pra ele! Não chore por ele!


Se lembre que eu há
Muito tempo te amo! Te amo! Te amo!
Quero fazer você feliz!
Vamos pegar o primeiro avião
Com destino a felicidade.
A felicidade pra mim é você.


9.            O texto acima é exemplo de uma:

a)    Cantiga de amor, porque o eu – lírico é um homem que sofre por uma mulher.
b)    Cantiga de amigo, porque o eu – lírico é uma mulher que sofre por um homem.
c)    Cantiga de amor, porque o eu – lírico é um feminino que sofre por um homem.
d)    Cantiga de amigo, porque o eu – lírico é um homem que sofre por uma mulher.
e)    N.d.a.

Leia o texto abaixo e responda a questão proposta:

Numa madrugada qualquer, um ladrão entra pelos fundos de uma casa e  começa, em silêncio, a arrombar a porta dos fundos...Logo no início, escuta uma voz sussurrando:
- Jesus tá te olhando!
O ladrão se assusta, olha para os lados (na penumbra), mas não vê nada... Segue tentando arrombar a porta e escuta novamente a voz:
- Jesus tá te olhando!
Meio incrédulo, mas com a certeza de ter escutado a frase, olha novamente ao seu redor e nada... Quando reinicia sua "tarefa", ouve novamente a voz:
- Jesus tá te olhando!
Dessa vez, ele percebe de onde vem a voz e acende a lanterna, iluminando um canto da área e serviço...
Nisso, ele vê um papagaio na gaiola e já aliviado, pergunta:
- Ah... é você o Jesus?
E o papagaio responde:
- Não. Eu sou o Judas.
- Judas??? E quem é o louco que bota o nome de Judas em um papagaio?
- O mesmo que botou o nome de Jesus no Pitbull.
- PEGA...... JESUSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS.


10.  Gil Vicente foi o maior teatrólogo da língua portuguesa e suas principais obras foram “Auto da Visitação” e “A farsa de Inês Pereira”. Baseado nos comentários em sala de aula, responda o que se pede. Que elementos da linguagem teatral estão indicados no texto?

a)    Os diálogos, o cenário, as poesias, as declamações, a multidão.
b)    O cenário, a entrada das personagens, as reações, os diálogos.
c)    O horário, o dia a dia das personagens, os monólogos, as premonições.
d)    O diário, a escrita, as lágrimas do menino, a fala do namorado.
e)    N.d.a.